"> Investir em um Teatro e na Cultura é um bom negócio ⋆ Revista Império

Investir em um Teatro e na Cultura é um bom negócio

Investir em um Teatro e na Cultura é um bom negócio

O fascínio de um teatro traz consigo visões de festas, alegria, presença de pessoas felizes entre ricos e famosos, shows de premiações entre fantasias e personagens fantásticos. Toda e qualquer marca quer e precisa estar associada a este nicho publicitário, onde costumava haver um tempo em que as únicas pessoas que podiam investir seu dinheiro em empreendimentos cinematográficos eram poderosos magnatas do entretenimento mas, não mais.

Segundo o PRONEC – Programa Nacional de Educação e Cultura existe uma maneira de você também entrar em ação, seja como pessoa física ou jurídica, esteja você a frente de um pequeno ou de um grande negócio e esta oportunidade esta justamente na dificuldade do poder público em subsidiar recursos para a educação e cultura abrindo um leque amplo de oportunidades que, muitos não estão conseguindo enxergar.

Investir diretamente em um teatro ou em uma apresentação teatral é realmente fascinante e tudo pode gerar bons frutos se for bem gerenciado. Buscar o talento certo, gerenciar custos de produção e encontrar o distribuidor certo são apenas alguns dos obstáculos que os investidores compartilham à medida que a produção avança.

A coisa mais difícil de avaliar, no entanto é o capricho pessoal do espectador. Afinal, o gosto é inconstante. Uma história com amplo apelo em uma década pode falhar na próxima. Se uma apresentação se sair bem, pode abrir as possibilidades de seus patrocinadores obterem destaque em rede nacional ou até mesmo internacional. 

Em entrevista com a equipe administrativa do PRONEC, os mesmos apresentaram uma grande oportunidade para as empresas em investir na reestruturação do Teatro Grande Otelo, onde existe uma possibilidade de reabilitação não apenas do Teatro, mas também de uma série de filmes e apresentações que o Grande Otelo se destacou, atraindo público nacional e internacional, destacando não apenas as marcas patrocinadoras, mas também a cidade e o país em um todo, segundo o PRONEC os mesmos tem o caminho das pedras e dispõe da estratégia correta para que tudo seja restabelecido conforme manda o figurino.

Os mesmos até iniciaram uma ação pública abrindo uma petição na coleta de assinaturas com nome e WhatsApp de pessoas que apoiam a reabertura do Teatro Grande Otelo em Uberlândia, onde até o fechamento desta matéria já tinha centenas de assinaturas coletadas através do link https://teatro.pronec.org/ .

Continue lendo para descobrir mais sobre o que você precisa considerar antes de gastar sua massa suada e como você pode entrar em ação.

PRINCIPAIS

  • Investir diretamente em um teatro ou em uma apresentação teatral é realmente fascinante e tudo pode gerar bons frutos se for bem gerenciado.
  • Antes de investir em qualquer projeto, faça sua devida diligência e pesquise o projeto, os produtores, o talento e o potencial de retorno.
  • Pergunte a si mesmo se o filme vai atrair o mercado de massa ou se é apenas para um público de nicho.
  • Considere os fundos, se você tiver muito dinheiro para investir, ou fontes para projetos gerais.
  • Os fundos podem ser destinados ao teatro ou apenas no investimento em uma carteira de apresentações, para gerenciar riscos e gerar retornos.
  • Consulte o PRONEC antes de qualquer ação cultural, pois os mesmos podem ter a chave de ouro para o seu negócio e para o seu investimento.

Considerações antes de investir

Antes mesmo de considerar investir seu dinheiro, faça sua diligência. Pergunte a si mesmo o seguinte:

  • Qual é a reputação do produtor?
  • Que experiência ele ou ela tem?
  • Qual será o tema abordado?
  • Qual será o destino do investimento?

Apoiar alguém que não tem um histórico comprovado é semelhante a investir em um fundo mútuo com gerentes de portfólio novatos. Mas não se esqueça do projeto em si.

Pergunte a si mesmo se a apresentação irá atrair um mercado amplo. Se ele é destinado apenas a um público de nicho, há uma boa chance de você gastar seu dinheiro. Os sucessos de bilheteria tendem a ter um apelo amplo, enquanto as apresentações estrangeiras, documentários e imagens pequenas tendem a ter menos.

Mensagens religiosas ou com mais humor intelectual também podem ser uma venda difícil para o distribuidor, já que o público é geralmente bastante restrito.

E se a apresentação teatral não tiver nenhum talento na lista? Isso pode ser um problema, embora às vezes a apresentação em si seja o talento. O reconhecimento de nomes também pode variar, dependendo de onde a apresentação está sendo lançada.

Segundo o PRONEC os interesses da apresentação devem estar alinhados adequadamente com os patrocinadores e os investidores, onde o investimento é um acordo justo.

Veículos de investimento

Se você tem muito dinheiro à sua disposição, considere investir no Teatro Grande Otelo da cidade de Uberlândia, ou de qualquer teatro local, podendo a visão se estender também para museus e qualquer seguimento da arte, cultura e educação, onde poderá não somente alavancar a sua marca, como também restituir o capital investido.

Esses veículos de investimento parecem ser os mais comuns para investimentos diretos em empreendimentos culturais. Infelizmente, isso geralmente significa uma coisa: investidores não sofisticados não precisam se inscrever. Os riscos de tal empresa podem ser substanciais e geralmente são mais adequados para o escritório da família ou o investidor institucional. Se você pode – e faz – seguir esse caminho, parabéns. Mas verifique todos os documentos de oferta, que devem estar de acordo com a lei de valores mobiliários aplicável, onde o PRONEC se encarrega de viabilizar estes contatos esclarecendo as resoluções e a participação de cada um.

Mas esse não é o único caminho. O financiamento coletivo tornou-se uma forma muito popular de investir para muitos aspirantes a magnatas da cultura e uma ótima maneira de os teatros obterem capital. Os investidores que podem não ter acesso imediato ao capital agora conseguem, levantando pequenas quantias de dinheiro de um grupo muito grande de pessoas. No exemplo de sites de financiamento coletivo relacionados a cultura que estão em execução no momento.

Antes de prometer seus milhões para um projeto teatral, você também deve fazer a devida diligência aqui, assim como faria com qualquer outro investimento. Afinal, um projeto pode parecer bom no papel, mas você ainda precisa observar os detalhes. Pesquise o(s) projeto(s), o pessoal e seu histórico. E não deixe de conferir o que o projeto promete como retorno. Alguns podem apenas passar algumas publicidades como agradecimento, em vez de uma grande recompensa.

Você pode, é claro, investir da maneira tradicional. As ações relacionadas ao entretenimento são uma ótima opção para investir, mas lembre-se de que você não receberá esse crédito do produtor. 

O caminho a seguir

Por si só, a apresentação parece ser uma classe de ativos em si – não relacionado aos outros tipos de investimentos. As apresentações são resistentes à recessão porque, mesmo em tempos difíceis, as pessoas ainda precisam de entretenimento, para que eles não parem de ir ao cinema ou transmiti-los on-line.

A abordagem de investimento em um Teatro como o Grande Otelo envolve simplesmente investimento em um portfólio de apresentações, em vez de uma única produção. Através da diversificação, surge um equilíbrio mais adequado de risco e retorno. Quais apresentações estão incluídas no portfólio podem ser uma função de como os esforços de co-financiamento do fundo com a empresa de produção e distribuição funcionam através dos estúdios de cinema e teatro. Parte do desafio é desembaraçar as contas financeiras opacas por meio da devida diligência na busca por maior transparência.

Esta é uma estratégia de investimento que utiliza um portfólio de apresentações para cortar riscos e gerar retornos.

Existem peças na própria indústria cinematográfica, na forma de ações ordinárias. Porém, os investidores individuais precisam entender onde estão as cadeias de produção e a que riscos estão sujeitas. 

Cláusulas e Devoluções

Quaisquer propostas de investimento devem ser feitas por escrito e conter uma cláusula de arbitragem para uma solução de disputas mais econômica. Os apresentadores podem achar útil ter essa cláusula ao lidar com distribuidores financeiramente mais fortes, a fim de proteger os interesses do primeiro.

Diferentes opções de captação de recursos devem ser consideradas, dependendo do roteiro e do orçamento. Os incentivos fiscais propriamente perseguidos são outro gerador de receita, desde que a cauda do incentivo não abane a apresentação.

O cineasta deve custear fundos durante a fase de captação de recursos das apresentações. Isso ajuda a garantir transparência e responsabilidade. Se fundos insuficientes forem levantados, eles deverão ser devolvidos aos investidores. Todas essas considerações apontam para a necessidade de um investidor trabalhar com um profissional com experiência na indústria cinematográfica.

Quanto aos retornos, as receitas de apresentações são usadas para pagar aos investidores todo o investimento e as dívidas contraídas primeiro. O processo é semelhante a um retorno da base ou do investimento principal. A participação nos lucros, ou o retorno do investimento, é o próximo elo da cadeia. A divisão geralmente é uniforme entre o produtor e os investidores. As estrelas, escritores e diretor do filme são pagos com os lucros da produção.

A linha inferior

As apresentações foram comoditizadas? Considere como é fácil acessar uma apresentação favorita. O teatro é apenas o primeiro de vários canais de distribuição, que incluem televisão a cabo, internet e outros canais de transmissão. A pronta disponibilidade de conteúdo roubou uma marcha na experiência de cinema e criou mais fluxos de receita e maior lucratividade.

Segundo o PRONEC, qualquer empresa pode começar com um patrocínio publicitário a partir de R$1.000,00 e investidores avançados podem sugerir o valor de investimento para uma realização completa ou parcial de um projeto de reabilitação cultura, seja de um teatro, museu e outros similares, podendo os interessados contatar através do link https://pronec.org/contatos/ para apresentar o obter a ciência de onde seria o melhor local para se investir em cultura.

administrator

Related Articles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *